Páginas

Hipocrisia das Igrejas Cristãs e seus seguidores.

 



    A minha infância toda eu fui obrigada pela minha avó a frequentar a igreja Católica, sem ao menos gostar de estar la dentro. Quando terminei a catequese e fiz a primeira comunhão, nesse instante, a única coisa que pensava era em me livrar daquilo e a partir daí passei a ter voz ativa para não ir mais.  Todo aquele sermão dos padres me deixavam com sono além das broncas das catequistas que só me deixavam com raiva.

    Os anos passaram e além da obrigação de ir a igreja, minha tia que na época era uma pessoa boa para mim me chamava sempre para ir na igreja evangélica, enfim, eu ia mesmo que as pessoas de lá me olhassem de nariz em pé (até hoje não entendo por que todos eram pobres fodidos assim como eu), eu até gostava de ir lá e com isso eu escolhi a minha própria igreja evangélica para frequentar. Ela não era  tão rigorosa quanto a que a minha tia me levava  e muitas vezes me sentia em casa nessa igreja (Ceifa), pensava eu que ninguém iria implicar com o meu jeito, já que desde dessa época eu já curtia meus rock's, mas por fim, suas doutrinas  e dogmas me fizeram sair de lá.

   O que não concordo em nenhuma igreja do seguimento Cristão é o "livre arbítrio" disfarçado, por que eles dizem que você pode fazer o que quiser de sua vida já que o possui, mas se você faz algo ou é de um jeito que a "igreja" não concorda você é tachado de todas as coisas, é alvo de críticas e olham torto pra você.
  Eu sempre tive a minha espiritualidade centrada unicamente em Deus, tanto que quando estava na Ceifa eu não mudei o meu jeito para agradar os demais de lá, afinal se eu tivesse que dar explicação a alguém seria unicamente a Ele.

    O tempo passou e eu me desgrudei totalmente  das igrejas, seja a católica quanto a evangélica e isso só me fez bem. Aprendi a criar minhas próprias expectativas e  meus conceitos de espiritualidade, tanto que hoje eu sei que se eu fizer algo de errado  ou algo bom não acontecer comigo ou o contrário disso (lado bom), sei que o mérito é meu apenas. Acredito sim em Deus, mas muitas vezes entro na contestação se ele é o Deus cristão das igrejas, até por que eu nunca o vi dessa forma. Mas como fui criada na cultura cristã é difícil me desprender totalmente dela, quem sabe no futuro eu consiga, já que consegui me livrar das igrejas.

   Ultimamente, ando vendo muitos conhecidos, pessoas que eram meus amigos entrando para a igreja (tanto católica quanto evangélica) e esquecendo de tudo e todos, assumem uma nova vida em que as pessoas da "antiga" são descartadas. Pessoas que aproveitavam a vida, hoje, andam a criticar as mesmas atividades que faziam no passado só que agora na vida alheia. A hipocrisia está nos salmos e passagens que eles recitam pra você dizendo o quanto está errado, e que deveria começar a frequentar a igreja. Pessoas que passam perto de você e olham torto ou de nariz em pé como se fossem superiores e nós a escória. Enfim, pessoas que acham que estão corretas em tudo mas nunca ajudaram uma alma ou ser vivo. Hipócritas!

    Não condeno quem possui uma religião, condeno aqueles que perdem a humildade perante aos iguais, que se acham os donos da verdade apenas por acharem que em um livro está todas as respostas e por isso podem julgar a vontade.  Essas eu condeno e abomino, essas dizem respeitar mas não querem contato com um homossexual sendo que a opção sexual dele não define o caráter que ele tem, o mesmo com uma "piriguete"  que muitas vezes pode ter mais caráter e bondade no coração do que um cristão resmungão que adora colocar defeito na vida dos outros.
 
   Conheço pessoas desse naipe, do seguimento católico e do evangélico. Ainda não me esqueço de um retiro em que fiz, onde a organizadora olhou bem na minha cara no meio da palestra dela e falou assim "não é só por que você gosta de rock que você sabe de tudo" e nisso eu estava com uma blusa dos Beatles, minha vontade era de mandar a merda, mas eu ri. Essa pessoa é a mais prepotente, que se acha a dona da verdade, pensa que sua opinião é a única que vale e outra é uma grossa! Via o seu olhar superior e de desprezo para com todos que ali estavam e me pergunto, onde está a humildade de Jesus Cristo, o amor e a fraternidade por que ali não vi nada disso.

    O que vejo hoje nos seguidores  fiéis  dessas duas denominações de igrejas do seguimento Cristão, são intolerância, o não aceitamento de opiniões diferentes  a deles, a critica imediata e julgamento por muitas pessoas não levarem a vida como eles levam, a ignorância e o fato de não serem boas pessoas, o que deveriam já que Jesus Cristo era um homem bom.
 
     O meu recado para eles é  _ Queimem no fogo do "INFERNO"_  por que para mim uma boa pessoa é aquela que ajuda o próximo sem esperar algo de alguém ou de Deus, que sabe partilhar e respeitar as pessoas que não são como ela, uma pessoa que tem caráter suficiente para não roubar fiéis e abusar sexualmente deles. Uma pessoa que por fim, respeite a vida e aprenda a cuidar apenas da sua. Vocês ainda tem muito que aprender para quem sabe ganhar o "paraíso".

Coisas boas pra se ouvir sozinho em casa.

Minha mania secreta é dançar estranhamente com minhas musicas. Eu as coloco, fico deslizando meus pés  pelo chão, com os olhos fechados e sentindo a musica, assim vou conhecendo as partes sensíveis do meu corpo e explorando cada uma delas.

Essas são algumas das canções que gosto de dançar me soltar, me sentir e me explorar quando estou sozinha em casa ou trancada no quarto.

                                                     Jet - Are You Gonna Be My Girl

                                
                               Florence and The Machine Feat. Dizzie Rascal - You Got Dirtee Love



Kerli - The Creationist


Tuatha de Dannan- Trova di Danú


AC/DC - The Jack


Momentos de devaneios..rsrs

Olho para os quadros
Cabelo desgranhado
Olhar apavorado
De um dia acabado.

 Olho para os olhos
De quem não me quer
Vendo sentimentos 
Que pertencem a outra mulher.

Sorrisos não são feitos
Só de alegria
Minha falsidade
É refeita todo o dia.

Por que eu cansei 
De esperar alguém;
Alguma coisa ou 
Até mesmo o trem.

xxNica

Ser ou não ser uma puta? Eis a questão.


 
   Essa é uma questão que vem me perseguindo a anos, vem perseguindo e mudando alguns dos meus conceitos sobre o assunto. Sempre tive muito cuidado com a minha reputação de não ser uma puta e com isso deixava de fazer várias coisas para que as pessoas não falassem sobre mim. E então vamos crescendo, minhas amigas se divertem ao modo delas e são tachadas assim, mas ninguém quer saber o que se passa com elas em casa, na vida, apenas as tacham assim por conseguirem muitos homens, por saciarem seus desejos sexuais e serem mais felizes. Então se ser puta é isso, eu também sou!

   É muito engraçado vir da boca de um homem que pega milhares de mulheres, que trai a namorada ou esposa, que faz e acontece quando está solteiro, namorando ou casado, tachar uma mulher de puta por causa das mesmas coisas, aliás não só puta como vagabunda, piranha, vadia esses adjetivos infelizes que se formos  parar para analisar a situação de modo contrário eles também seriam chamados assim. Mas me pergunto por que se para eles é bonito e quando são mulherengos assim atraem mais e mais mulheres para eles e quando se trata de nós somos rebaixadas ao coco do cavalo do bandido, corremos risco até de  ficarmos só apenas por causa dessa rotulação que favorece uns e desfavorece outros.

  O mundo é machista, eu sei, nossa cultura vê a mulher apenas de duas formas, a que serve para acasalar e cuidar de filhos e casa (enfim ser uma sem escolha própria) e diversão para seus olhos  ( como acontece em propagandas de cerveja, no programa panico onde só visam as bundas das mulheres e sua aparência física) . Muitos homens nem se quer cogitam que mulheres sim podem trabalhar mais  que eles, ganhar mais que eles, terem mais sucesso que eles. Isso é muito machista.

    Como o sexo oposto, eu acho e acredito temos que ter a mesma postura sexual que eles tem, sem sermos as "putas que não prestam" do negocio, afinal possuímos os mesmos desejos e vontade de transar  que eles, e é injusto estragar a nossa reputação já que fazemos o mesmo que eles. Afinal, por que não aprendem a julgar a pessoa pelo caráter que ela possui e não por que ela transa e pega homens de mais?

  Isso também vale paras as meninas que se dizem santinhas e que não fariam um coisa dessas, uma coisa que eu digo, colega isso é inveja por que você não possui a mesma capacidade de realizar o que tem vontade assim como nós "putas" temos.

  Vamos nos libertar, chega dessa que você precisa ser recatada pra poder casar, para poder namorar, deixem essa vontade que vocês todas possuem criar assas e dar umas voltas  por ai fazendo-as feliz e realizadas. Machismo feminino é pior que o masculino, pois são eles que durante todos esses anos vem dizendo o que  nós mulheres devemos ou não fazer, e isso já está na hora de ter um fim, se já provamos em muitas outras áreas que podemos ser melhores que eles e essa é a ultima que devemos quebrar o tabu.

xoxo Niica 



  

Passou dos 20 e ainda não tem namorado? Vai ficar sozinha!

Uma coisa engraçada que minha avó me diz e algumas outras pessoas  que casaram aos 20 anos por não ter  outra opção de vida a não ser "dá", ter filhos e trabalhar na roça. Enfim, isso é chato pra caramba.
  Mas não é só os mais velhos que dizem isso, as vezes acaba pesando em nossas costas o fato de não termos achado alguém ainda (digo isso por mim e por alguns amigos). Mas será que isso deveria pesar tanto? É claro que não! Como se namorar fosse a única coisa da vida que lhe fizesse feliz, ou a principal coisa na vida que lhe faça partir definitivamente pro mundo dos "normais", casa, filhos, um cão e tudo mais que uma família arrecada na sua vida.
  Ninguém quer ficar sozinho (eu não quero, apesar de gostar da solidão), mas o fato é,  para que estabelecer uma família logo no começo da vida adulta deixando de lado todas as outras coisas que poderiam conhecer, desfrutar, aprender durante os seus 20 anos...rs. Eu sei que não devo generalizar por que existem casais que após casarem fazem isso, mas convenhamos que essa é uma pequena fatia do bolo pois na maioria das vezes já casam pensando nos filhos, no carro e na casa que vão comprar, o quanto terão que  trabalhar  para viver bem e no fim disso nem vivem!
  Não, não estou dizendo pra você parar de pensar em constituir uma família, mas estamos no seculo XXI onde as possibilidades brotam no chão, onde existem milhares de pessoas pra se conhecer e se relacionar, onde aprimorar o conhecimento é super valido, onde se pode viver aventuras, realizar sonhos, crescer na carreira sem ter que se preocupar logo de inicio com uma família, é muito melhor do que  ficar com o primeiro cara, casar e constituir família e viver apenas para aquilo.
 Viver é uma arte, e viver já com uma família é mais do que isso, então para que apressar as coisas?
Vamos aproveitar o máximo
, pra quando essa hora chegar estarmos de fato preparados e curtir ao máximo essa nova e fantástica (cansativa) fase.
              

Desculpem-me os conservadores, mas, o sexo tem que ser bom.

  Sexo pra mim é essencial, mas não é assim de qualquer maneira nem com qualquer um, né gente?! Eu amo a sensação de sentir tesão por alguém ou atraída sexualmente, me despertam as melhores sensações. Eu sou um pouco tarada, confesso, não gosto de nada muito calminho na hora "H" até por que sou daquelas que gosta de estar no comando, mas se o cara for daqueles que tiram o folego e me deixa até tonta fico super feliz de ser mandada.
  Eu sou do tipo, vamos com calma até chegarmos no "selvagem", alguns palavrões são aceitos mas nada exagerado (tem guria que não gosta), tapinhas e puxões de cabelo são bem vindos sempre até por que da uma apimentada no ato com certeza.
    Pra mim sexo nunca foi tabu, sempre tive facilidade e vontade  falar sobre isso até por que quando se está em uma roda de amigos tanto do sexo feminino quanto do masculino esse assunto é quase de lei  a ser comentado. Trocar experiencias com amigos principalmente homens  é muito bom, eu gosto de saber do que eles gostam  assim também posso mostrar o que eu e metade das mulheres gostam também.
  Sexo bom (pra mim) tem cumplicidade de ambas as partes e entendimento também, por isso conversar com o parceiro é sempre bom. Falar o que gosta é essencial até por que ele não vai adivinhar que você gosta de uma penetração mais forte ou moderada, sem comunicação, muitas vezes o sexo pode se tornar horrível deixando você com trauma da pessoa e do próprio ato sexual.
   Eu não vou dizer que entre 4 paredes vale tudo, até por que o vale tudo em uma relação hétero muitas vezes é a mulher que toma. Então pra mim, não, não vale tudo, mas não custa perguntar do que se trata.
 Uma dica, se você tem um amigo que está afim de transar com você seja mente aberta, se você se sente  atraída por ele vai na fé. Mas uma coisa eu digo, sejam os dois mente aberta para a amizade não terminar, sexo não é um relacionamento, não precisa de drama só tesão e muito prazer.


xoxo Nica

Eu voltei, e que agora seja pra ficar!

Olá a todos!
  Eu voltei mas agora um pouco mais madura do que no começo de 2010 quando eu apenas tinha 18 anos.
Antes esse blog aqui era o "Nica Opina", onde continha minhas opiniões (obvio né) de praticamente tudo que estava ao meu redor na época, hoje eu estou com o Nica Says, que vai ser um pouco ou muito parecido com o antigo só que eu mudei e aqui também mudará já que faz parte de todos nós  amadurecermos, não é?
  Esse novo blog, que agora  tem domínio próprio (estou mega feliz), é definitivamente a minha pagina pessoal  sobre a minha vida, minhas histórias, minhas conquistas, meus gostos e etc... Sei que existem milhares de blogs como o meu por ai, mas enfim é algo que quero deixar amostra a todos para que me conheçam.
  Como no antigo, tudo ao meu redor será relatado aqui, espero que gostem e como no antigo me mandem mensagens, recados e comentários seja como for. Vou adorar, mesmo que sejam ofensas (rs).

Xoxo Nica!