Páginas

Azuis


Azuis

Diante dos seus olhos
Vejo o mar passar
O céu ficar limpo
Sem nuvens no ar.

Diante da sua boca
Vejo lábios  se mexerem
Palavras esquecidas
Sorrisos aparecerem.

Seus olhos, sua boa
Me levam para a confusão
Me dominando, me esquecendo
Eu sempre perco a razão
Por que você consegue parar o tempo
Meus olhos vidraram nos seus.

Seu sorriso ilumina me deixa sem reação
Suas mãos me guiam sempre pela escuridão
Eu vejo sonhos, desejos, amores e medos
Dentro do seu coração.

Se existem mascaras eu as vejo
Transparentes em você 
Sua alma irradia tudo o que 
você pode ser.

Seu verdadeiro eu me faz perceber
Que não estou errada.
A cada coisa que diz, fico feliz
Por  não perceber ....

Que são seus olhos, sua boca
Que me prendem em você.
Sorrisos instigantes me fazem perceber
Que nessa cena minha vergonha vai transparecer
E nada é tão irresistível quanto estar com você.





Nenhum comentário

Postar um comentário